Por trás do Plano.


Em cartaz

por Caroline Araújo

Comédias românticas ou são realmente boas, ou são medianas e cumprem o papel de entreter por determinando tempo ou são terrivelmente ruins. Meio termos entre essas três definições são meramente ilustrativos. O fator com quem você assiste tal filme também conta, logicamente. Então Munida de família completa, pai, mãe, irmão, cachorro e uma barra de diamante negro nas mãos, sentamos para mais uma comédia romântica em questão.

“The Back – up Plan – Plano B”(2010) dirigido por Alan Poul, reconhecido diretor de Séries da HBO como “ Six Feet under” e “Swingtow”. Talvez por exatamente ter uma experiência mais ácida do que romântica em seus trabalhos anteriores, Poul , trás para este longa grande pitadas de realidade das entrelinhas dos relacionamentos, principalmente, coloca as novas formações familiares, que contradizem os modelos reconhecidos do passado, como uma tela bem clara do perfil da sociedade atual e quem sabe, futura.

O Roteiro não é genial, mas ele é preciso e bem amarrado. Quem assina é Kate Angelo que tem nas mãos os roteiros da série “Will and Grace”. Jennifer Lopez que dá vida a moçinha desta história representa e bem, a geração de mulheres que, são independentes, determinadas, alegres, trabalhadoras, porém, inenarravelmente solitárias.

A maturação feminina mais rápida do que a masculina, esta produzindo uma legião de mulheres que estão deixando de acreditar nos homens e que seja possível ter uma relação estável, saudável, familiar. Reflexo da eterna revolução dos sexos oriunda dos anos 60.Zoe do filme vivida por Lopez representa bem isso. Em uma atuação sem grandes exageros e redonda, temos um bom par central que é completo pelo cara de cachorro caído da mudança Alex O’laughlin que interpreta Stan, fazendeiro boa pinta que se apaixona (e corre atrás) da moçinha. Ai ai ..rs..

Boas dosadas de humor, alguma previsíveis e em alguns pontos forçadas (ocorre em quase todas as comédias desse tipo), o filme funciona e garante bons momentos de relex. Vale a pena dar uma assistida quem sabe numa tarde de domingo depois ou antes de uma taça de sorvete. Com cobertura, claro!!

Ah! Sim, acredito que o filme se enquadre na segunda categoria.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s