WOLF! WOLF! WOLF!


wolf-of-wall-street-poster2-610x903-1

Em Cartaz

Por CAROLINE ARAÚJO

Influenciador. Um verdadeiro gênio e como tal, por muitas vezes incompreendido. Contudo, incansável e detentor de uma devoção ao cinema tão voraz, que desde quando teve suas primeiras aparições na onda revolucionária que tomou Hollywood e seus diretores na década de 70, desde então construiu inúmeras obras primas da sétima arte. “Taxi Driver”,  “Touro Indomável”, “Os Bons Companheiros”, “Cassino”, “Os Infiltrados” e um dos mais recentes “A Invenção de Hugo Cabret” nos pincelam a versatilidade, o talento e a coragem que este cineasta detém. Em sua quinta parceria com o ator Leonardo DiCaprio, Martim Scorsese constrói uma ode a depravação, onde mais um personagem solitário em conflito com o sistema ou com seus demônios ganha profundidade perante as lentes do diretor.

leowolf

“The Wolf of Wall Street – O Lobo de Wall Street”(2013) o mais recente trabalho assinado por Scorsese, o diretor rompe com o fugaz e com o cinema certinho dando um chute na porta, não tendo medo de ser subversivo e mostrar que gosta disso. Sem moralismo ou julgamento, Scorsese retrata o universo de um Jovem e ambicioso corretor de Wall Street, Jordan Belfort    (DiCaprio) que fica milionário nos anos 80 com práticas antiéticas e ilegais desafiando qualquer moral que exista. O universo criado por Martim para ilustrar a vida de Jordan mostra a veneração ao dinheiro, numa das histórias mais amorais produzidas em Hollywood nos últimos anos. Temos um bacanal renascentista pulando em seios e púbis na tela, salpicados de luddes, e todo tipo de pó.

leo-wolf-600

Jordan é amoral em essência. Scorsese então faz um filme onde o excesso é a cereja. O mundo de Jordan é uma representação distorcida da sociedade onde ele se encontra. Tudo e todos são corruptíveis e está a venda. O filme não faz um elogio ao excesso. Ao contrário. Pelo escarnio, Scorsese desafia o espectador a questionar-se não apenas o que ele esta vendo, mas o que ele sente ao assistir a película e isso só é possível porque não existe pudor. Em nenhum frame.  Para isso ele explora e muito bem elementos variados da linguagem cinematográfica, como a estética televisiva, onde em vários momentos a tela de fullscreen passa para widescreen, ou em planos detalhes minúsculos no meio de uma sequencia de planos maiores, apenas para dar uma quebrada no ritmo, ou ainda a brincadeira com a abertura do filme começando com a logo da STRATTON OAKMONT.

movies_wolf_of_wall_street_1

Scorsese rege com maestria sua ópera ao hedonismo. E faz isso com um time afiado de atores que se jogaram nessa trincheira alucinógena. DiCaprio e Jonh Hill fazem a dupla principal, uma versão medo e delírio do Gordo e o Magro, e, estão fabulosos. Hill personifica o asqueroso e irritante braço direito de Jordan, e este por sua vez é literalmente o lobo na pele de uma falsa ovelhinha. DiCaprio esta radiante na atuação e entrega, confirmando o talento inegável que possui. As cenas onde retratam estarem chapados por qualquer droga que fossem são fantásticas!

THE WOLF OF WALL STREET

Fora isso, o Roteiro de Terence Winter é redondo, sem brechas. Bingo! Junte tudo isso e entregue para Scorsese. Ele nos devolve mais uma obra prima. Com 5 indicações ao Oscar, “The Wolf of Wall Street” desafia a moral e os bons costumes ao dar chance de imaginar o que seria essa selva de números e sem escrúpulos do mundo da corretagem. Desafia inclusive o nosso bom senso, em sermos abertos ou retrógrados. Grata surpresa, e forte candidato as estatuetas douradas, além de mais uma boa aula de como se fazer cinema de verdade.

new-wolf-of-wall-street-trailer-leonardo-dicaprio-is-the-wealthiest-stockbroker-in-the-world

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s